Testemunho leiga consagrada secular Edna Maria

Por - Categoria -- > Testemunho

testemunho         Meu nome é Edna Maria de Sousa, sou solteira, leiga consagrada secular, nascida em Brasília onde resido com meus pais e irmãos e toda minha família e trabalho no serviço público. A minha vida pastoral começou logo após a minha primeira comunhão, aos doze anos idade e não parou mais. Servi em minha comunidade paroquial na catequese, grupo de jovens, na liturgia, RCC, etc. No ano de 2003 a Igreja do Brasil celebrava o II Ano Vocacional e foi nesse ano que comecei a participar da Pastoral Vocacional/SAV, em minha paróquia de origem, Paróquia Nossa Senhora de Fátima – Granja do Torto e na Arquidiocese de Brasília, onde organizamos encontros de despertar e discernimento vocacional, gincanas vocacional, jornada vocacional, terço vocacional, encontros de formação vocacional, bazares, etc. Tive a graça de estar presente e vivenciar de três congressos vocacionais nos anos de 2005 – 2º Congresso Vocacional do Brasil, cujo lema foi “Ide também vós para a minha vinha” (Mt 20,4); 2010 – 3º Congresso Vocacional do Brasil que tinha como tema “Discípulos-missionários a serviço das vocações” e; 2011 – 2º Congresso Continental Latino-americano de Vocações, em Costa Rica, com o lema “Mestre, em tua Palavra lançarei as redes” (Lc5,5). E depois de ter vivido essas experiências aumentou mais ainda a vontade e o carinho pelo trabalhar em prol das vocações. No ano 2014 nosso Regional e mais os Regionais Oeste1, Oeste 2 e Norte 3 vivemos uma linda experiência que marcou a história de muitos animadores vocacional, que foi a realização em Brasília do I Simpósio Vocacional do Brasil, que simultaneamente foi realizado em mais quatro macrorregiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul. Foi um trabalho árduo, mas que valeu apena, porque muitas pessoas se doaram e abraçaram a ideia de vocacionalizar as dioceses e o sonho se fez realidade. Todo itinerário que vivi durante todos esses anos, vejo que só possível graças ao Amor Misericordioso de Deus para comigo. Pois até eu iniciar na Pastoral Vocacional/SAV não tinha noção e nem clareza sobre a minha vocação, qual era o chamado de Deus tinha para minha vida, já que sempre estive envolvida com os serviços pastorais da paróquia, colaborando por muitos anos na catequese. Quando ingressei na PV/SAV um novo horizonte se abriu na minha vida e fui experimentando mais do amor de Deus e me apaixonando pelo serviço em prol das vocações. Hoje sou mais feliz porque vivo com alegria minha vocação e respondo também com alegria ao chamado que Deus me faz a cada dia.

Edna Maria de Sousa

Reze também pela sua vocação!

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO